Profissão: Relações Internacionais
» Voltar
Descrição
É a condução de relações entre nações nas áreas política, econômica, social, militar, cultural, comercial ou do Direito.
O bacharel em Relações Internacionais analisa o cenário mundial, sonda mercados e promove entendimentos entre empresas ou governos de diferentes nações.
Investiga possibilidade de negócios e aconselha investimentos no exterior.
É ele quem abre caminho a exportações, importações e acordos bilaterais ou multinacionais.
A internacionalização da economia amplia o campo de atuação desse profissional, que é chamado para trabalhar não só em ministérios, embaixadas e consulados mas também em grandes empresas, bancos e ONGs.

Atuação
Agências governamentais - Planejar ações governamentais em política, economia, comércio e cultura.
Elaborar acordos internacionais.
Assessoria - Prestar assessoria para ministérios, partidos políticos, sindicatos, ONG’s e outras entidades.
Embaixadas brasileiras - Negociar acordos e preparar análises e relatórios sobre questões de interesse nacional.
Empresas privadas - Levantar informações para a concretização de acordos comerciais com empresas estrangeiras e de programas de investimentos internacionais.
Organizações internacionais - Coordenar programas de desenvolvimento, mantidos por órgãos internacionais ligados à Organização das Nações Unidas (ONU), Organização dos Estados Americanos (OEA) e Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID).

Ambiente de Trabalho

Formação exigida
O currículo tem 4 grandes áreas:
política, ciência política, direito internacional e relações econômicas internacionais. Você estuda muito sociologia, economia e história, fundamentais para entender os diversos aspectos das relações entre os países.
Aprender outros idiomas além do inglês, como o espanhol e o francês, é fundamental.